23.8 C
Guarulhos
qua, 25 maio 2022
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Bolsonaro tranquiliza população afirmando que não haverá pedágio entre Guarulhos e São Paulo na via Dutra

- PUBLICIDADE -

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realizou na última sexta-feira (17), em São Paulo (SP), uma audiência pública para angariar contribuições sobre a concessão da Via Dutra.

Durante a reunião foi apresentado um novo modelo de cobrança para as praças de pedágio, que seria efetuada através da medição quilômetros percorridos. O sistema que poderia ser utilizado, de acordo com a publicação, teria como objetivo reduzir a tarifa dos pedágios com o pagamento de 100% dos usuários da via.

Com isso, a possibilidade de criação de um pedágio entre Guarulhos e São Paulo na rodovia Presidente Dutra foi cogitada pela própria ANTT conforme trecho abaixo:

O novo segmento a ser concedido tem 598,5km e será composto pelas rodovias BR-116/RJ, entre o entroncamento com a BR-465, no município de Seropédica (km 214,7), e a divisa RJ/SP (km 339,6); BR-116/SP, entre a divisa RJ/SP (km 0) e o entroncamento com a BR-381/SP015, Marginal Tietê (km 230,6); BR-101/RJ, entre o entroncamento com a BR-493, no município de Itaguaí (408,1), e a divisa RJ/SP (km 599); e BR-101/SP – entre a divisa RJ/SP (km 0) e Praia Grande, Ubatuba (km 52,1).”

Ontem, o presidente Jair Bolsonaro por meio de sua conta do Twitter, tranquilizou a população comunicando que não haverá uma nova praça de pedágio, tanto na região metropolitana de São Paulo, quanto no trecho carioca da via Dutra.

A concessão, que atualmente pertence ao grupo CCR, se expira em março do próximo ano. O novo concessionário deve ser conhecido até o final do primeiro semestre deste ano.

 

VEJA TAMBÉM

BOLETIM COVID GUARULHOS

REDES SOCIAIS

30,908FãsCurtir
10,600SeguidoresSeguir
5,222SeguidoresSeguir
2,860InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS NOTÍCIAS