14.9 C
Guarulhos
dom, 29 maio 2022
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Segundo Dória todas as escolas estaduais terão lousa digital e WiFi em 2020

- PUBLICIDADE -

O Governador João Dória (PSDB) e o Secretário de Estado da Educação Rossieli Soares anunciaram hoje, 09 que o material escolar da rede estadual será entregue antes do início do ano letivo que está previsto para 03 de fevereiro.

Dória anunciou também durante visita às obras da escola estadual Professor José Maria Reys, Vila Medeiros, na capital paulista que por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola Paulista (PDDE-Paulista) aprovado pela Câmara Legislativa do Estado em 2019 vai garantir a aquisição de equipamentos tecnológicos que favoreçam o aprendizado complementar dos alunos.

O chefe do executivo paulista, disse que tem como meta para 2020 acabar com as lousas verdes de giz e substituí-las por lousas digitais instalar rede WiFi para uso dos professores e alunos da rede estadual.

A equipe de reportagem obteve com exclusividade informações de 4 escolas de diferentes regiões da cidade que ainda possuem lousas verdes de giz. São elas: José de Alencar Cerqueira César na Vila Rosália, Bruno Ricco Padre no Jd. Pres. Dutra, Cyro Barreiros no Jd. Lenise e Deputado José Storópoli no Jd. Sta. Teresinha.

Professor da rede estadual desde 2015, Wendel Bessa disse ao Guarulhos Online que o uso do quadro verde é arcaico e revela que gostaria de dispor de recursos mais avançados na rotina da sala de aula, ele alega maior desempenho do professor e do entendimento dos alunos.

No meio do ano passado, o deputado Carlos Giannazi (PSOL) denunciou que a Secretaria da Educação está usando recursos do Programa para a compra de materiais básicos para a manutenção das escolas.

Giannazi afirmou que a Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE) tem bilhões em seu caixa justamente para garantir o fornecimento desse tipo de material. “O dinheiro do PDDE é para ser aplicado na área pedagógica” disse.

Ambas autoridades afirmaram que o fundo vai ser usado conforme as necessidades apresentadas pela gestão escolar, pais e alunos proporcionalmente ao tamanho da escola número de alunos e localização. De acordo com secretário, no mínimo os valores vão de 16.800 a 400 mil reais que poderão ser destinados a obras estruturais e equipamentos de apoio educacional.

VEJA TAMBÉM

BOLETIM COVID GUARULHOS

REDES SOCIAIS

30,908FãsCurtir
10,600SeguidoresSeguir
5,221SeguidoresSeguir
2,860InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS NOTÍCIAS