22.7 C
Guarulhos
sáb, 13 abr 2024
- PUBLICIDADE -

470 anos de São Paulo: saiba quantos prefeitos a capital já teve

PUBLICIDADE

Maior eleitorado municipal do país vai às urnas este ano para eleger mais um chefe do Executivo; Justiça Eleitoral realizará sua 28ª eleição municipal

No ano em que São Paulo completa 470 anos, a metrópole vai às urnas para eleger um novo chefe do Executivo. Desde o Império, a capital paulista já teve 58 prefeitos. Eles ocuparam o cargo por eleição direta ou indireta, por nomeação ou por terem assumido o posto após renúncia ou impedimento do titular (vice-prefeitos e presidentes da Câmara Municipal). 

O cargo de prefeito foi criado por uma lei provincial, em abril de 1835. No mesmo ano, o primeiro prefeito da cidade, Luís Antônio de Sousa Barros, tomou posse, indicado pelo presidente da província (governador). Já na República Velha, o primeiro prefeito escolhido pelo voto popular foi Antônio Prado, eleito para o período entre 1908 e 1910. 

PUBLICIDADE

A Justiça Eleitoral (JE) só viria a ser criada quase um século depois da criação do cargo, em 1932. Desde então, a JE já organizou 27 eleições municipais e neste ano se prepara para organizar a 28° eleição municipal na maior cidade do Brasil. 

A maior eleição municipal do Brasil

Os 5.568 municípios brasileiros vão votar em 6 de outubro para eleger novos prefeitos. A capital paulista é o maior eleitorado entre eles, com mais de 9 milhões de eleitoras e eleitores, divididos entre as 57 zonas eleitorais da cidade, com mais de 2 mil locais de votação e de 26 mil seções eleitorais. 

As eleitoras aptas são 5,04 milhões, ou seja, as mulheres representam 54,09% do eleitorado, enquanto os homens são 4,27 milhões (45,83 %). A faixa etária com maior número de eleitoras e eleitores é aquela entre 45 e 59 anos, com mais de 2,38 milhões.Os jovens até 24 anos totalizam 1,03 milhão, dentre eles os menores de 18 anos, para quem o voto é facultativo — são  38,6 mil. Já entre os mais idosos, os inscritos com idade entre 60 e 69 anos são 1,15 milhão, e aqueles com 70 ou mais, que também não são obrigados a votar, são 1,06 milhão de aptos.

Fechamento do cadastro eleitoral

Em ano de eleições, o cadastro eleitoral fica fechado nos 150 dias anteriores à data do pleito. Em 2024, a data limite para tirar, transferir ou regularizar o título de eleitor é 8 de maio.

As solicitações dos  serviços eleitorais podem ser feitas on-line, por meio do autoatendimento eleitoral. Para a emissão do primeiro título é necessária a coleta biométrica em atendimento presencial, que deve ser previamente agendada.  

Divulgação TRE/SP
PUBLICIDADE

VEJA TAMBÉM

REDES SOCIAIS

30,908FãsCurtir
10,600SeguidoresSeguir
5,417SeguidoresSeguir
2,940InscritosInscrever
PUBLICIDADE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS